Cego Amor

Seu olhar já me diz tudo que quero saber.
Não posso te ver,
Mas você sempre está aqui dentro.
Tudo o que podemos fazer
É andar de mãos dadas.
Me dê a sua, aqui está tão escuro,
E deixe-me ser tudo o que quero.

Seu.

Comentários

Mônica Cadorin disse…
Gostei deste também. Acho que amor tem que ser mesmo assim: "deixe-me ser tudo o que eu quero", em vez de ser o que a pessoa amada quer.